Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2020

10 anos da Organização Popular - OPA

10 anos de Organização Popular - OPA Não passávamos de oito pessoas; doze, no máximo. Cabeças diferentes, mas uma pulsante vontade comum: o velho sentimento de mudar o mundo. Éramos o novo nascendo, mas não éramos novidade. Éramos o novo, mais uma vez, de novo. Não sabíamos ao certo aonde ir, porque em tempos de convicções surradas, a energia que sobrava só dava para manter acesa a luz vermelha de alerta: por determinados caminhos não se deve seguir, de jeito nenhum! A incerteza como suspiro da esperança. E assim fomos. Fomos porque nunca é tempo de parar. Porque não parar será sempre o que haverá de mais novo na vontade de continuar. Fomos para reinventar, e reinventamos para poder não estancar. O movimento é reinvento que reinventa o movimentar. Não sei qual a fonte dos milagres, mas esse veio da mistura de beco sem saída com reunião. Numa época em que o distanciamento do povo por parte de esquerdas armadilhadas pela institucionalidade opressora produzia traições em es

Campanha de Solidariedade as Comunidades Tradicionais Pesqueiras do Ceará

Imagem

Comunicado 2

Imagem

COMUNICADO

Imagem

Nota Pública DPE

Imagem

17 de Abril Dia Internacional de Luta Camponesa

Imagem

DRAGÃO DO MAR

Imagem

Infomativo COVID-19

Imagem

Informações COVID-19 Ceará

Imagem

Campanha Pastorais Sociais e Organismo da Igreja Católica

Imagem

CARTA DAS COMUNIDADES QUILOMBOLAS RURAIS DO CEARÁ AO GOVERNO DO ESTADO CAMILO SANTANA NO CONTEXTO DA PANDEMIA DO CORONAVÍRUS (COVID 19)

Imagem
        CARTA DAS COMUNIDADES QUILOMBOLAS RURAIS DO CEARÁ AO GOVERNO DO ESTADO CAMILO SANTANA NO CONTEXTO DA PANDEMIA DO CORONAVÍRUS (COVID 19) “Eles combinaram de nos matar, mas nós combinamos de não morrer - Conceição Evaristo, 2018” A discriminação em escala global do novo coronavírus ( Covid 19) vem impondo uma das situações mais difíceis em todo mundo, a experiencia internacional demostra que o método mais eficiente de combater a expansão da contaminação do novo coronavírus é salvar vidas através do isolamento social. Nossas Comunidades Quilombolas se somam e reforçam  essa medida de segurança de escala global,   repudia toda e qualquer medida e postura negacionista da pandemia. Através do Isolamento Social necessitamos toda a atenção as populações mais vulnerabilizadas pelas desigualdades sociais e raciais nos   territórios   quilombolas, pois temos relações de vida e de convívio ancestral, grande laços parentescos e do be